DIRCEU DETROZ

 -  - DIRCEU DETROZ
Total Visualizações: 123430
Texto mais lido:
BAILARINA - Total: 523
Educares são nossos pontos, nossa pontuação! Educares: 1634
10 Autores mais recentes...
VALDINEI DA SILVA CAMPOS
MILTON JORGE DA SILVA
CELSO GABRIEL DE TOLEDO E SILVA
MARIA DE SOUZA CEZAR
EVERALDO JOSÉ CAVALHEIRO PAVÃO
JOSE JOÃO BOSCO PEREIRA
RUAN VIEIRA
FERNANDO DANIEL FRANCO DE CAMARGO
ELIAS OLIVEIRA DE JESUS
MARISA BARBOSA CAJADO
10 Autores mais lidos...
613 SEDNAN MOURA
SEDNAN MOURA
Total: 1453544
285 ALEXANDRE BRUSSOLO
ALEXANDRE BRUSSOLO
Total: 248699
190 DIRCEU DETROZ
DIRCEU DETROZ
Total: 123430
272 PEDRO VONO
PEDRO VONO
Total: 112064
1121 THALYA SANTOS
THALYA SANTOS
Total: 90567
622 EVANDRO JORGE DO ESPIRITO SANTO
EVANDRO JORGE DO ESPIRITO SANTO
Total: 54020
218 ZILDO GALLO
ZILDO GALLO
Total: 33237
496 ALBERTO DOS ANJOS COSTA
ALBERTO DOS ANJOS COSTA
Total: 31283
189 LADISLAU FLORIANO
LADISLAU FLORIANO
Total: 30049
385 ANDRADE JORGE
ANDRADE JORGE
Total: 25776
Sala de Leitura
Busca Geral:
Nome/login (Autor)
Título
Texto TituloTexto



Total de visualização: 297
Textos & Poesias
Imprimir

Total Votos: 1
DICA: Utilize o botão COMPARTILHAR (do facebook em azul) ou o LINK CURTO que disponibilizamos logo abaixo desse botão para compartilhar seu TALENTO nas Redes Sociais, compartilhando com mais fãs e leitores de toda parte do Mundo Virtual. Esse recurso foi desenvolvido para ajudar na divulgação de seus textos. USE SEMPRE QUE DESEJAR!
  Anote esse link curto de seu texto e divulgue nas redes sociais.

NÃO TE RESISTO


*** Faça o seu Login e envie esse texto por email ***

Não te resisto,
quando você se atira
em meus braços,
com teu jeitinho
de menina sapeca
que nunca cresceu.

Não te resisto,
quando você faz café com pão de queijo,
bolo de milho,
batata ensopada,
quando mato a minha sede
com teu suco de acerola.

Não te resisto,
quando você me leva pela mão
pra passear descalço
na grama molhada,
e ainda dançamos ciranda
depois da chuva de verão.

Não te resisto,
quando você me convida nas madrugadas
para ver o céu estrelado,
e o brilho da lua
fica sempre ofuscado
pela luz dos teus olhos.

Não te resisto,
nas tardes preguiçosas
quando deitamos juntinhos na rede,
e entre abraços apertados
sorrimos e fazemos pirraças
até adormecer depois das três.

Não te resisto,
quando brincamos de pega-pega
correndo por entre os ipês floridos,
sou simplesmente apaixonado
pelo meu castigo
de sempre ter de pegar você.

Não te resisto,
quando você sobe no pé
pra colher jabuticaba,
e depois de adoçar tua boca
com o gosto da fruta madura,
adoça a minha boca com teu beijo.

Não te resisto,
quando contamos segredos
das nossas carências,
quando nossos sussurros falam baixinho
dizendo tantas coisas de paixão
falando tantas coisas de amor.

Não te resisto,
quando você joga o edredom
da cama bem cedinho,
de camisola curtinha,
com cabelos desalinhados,
e fica me convidando pra fazer amor.

 
   
Comente o texto do autor. Para isso, faça seu login. Mais textos de DIRCEU DETROZ:
A "IA" NÃO SERÁ UM MENINO BONITO Autor(a):
A ALMA A SINGULARIDADE E O FUTURO Autor(a):
A CHEGADA Autor(a):
A CULPA NÃO É DOS OSSOS - Crônica escrita em 2014 Autor(a):
A EQUAÇÃO DA ALMA Autor(a):
À ESPREITA Autor(a):
A GENÉTICA DIVINA Autor(a):
A INDUSTRIA GENÉTICA NÃO É FICÇÃO Autor(a):
A INFÂNCIA DOS LIVROS Autor(a):
A LIZZ DO DIR Autor(a):
A MAÇA DO CONHECIMENTO Autor(a):
A MENINA NA JANELA Autor(a):
A NOITE DE ONTEM Autor(a):
A NOSSA IDADE DAS TREVAS Autor(a):
A NOSSA LÍNGUA PORTUGUESA Autor(a):
A OBRA-PRIMA DO PERDÃO Autor(a):
A REALIDADE E A FICÇÃO Autor(a):
A SAGA DO SOM ESTÉREO Autor(a):
A SENHA Autor(a):
A SENHA Autor(a):
A UTOPIA CÓSMICA Autor(a):
A VAGINA DO PICASSO (Um conto nada intelectual) Autor(a):
A VARIÁVEL ESQUECIDA Autor(a):
A VARIÁVEL HUMANA Autor(a):
A VEZ DAS CIGARRAS Autor(a):
A VEZ DAS CIGARRAS Autor(a):
A VIDA PREGA PEÇAS Autor(a):
A VISITA Autor(a):
A VISITA DO APOPHIS Autor(a):
AÇÃO Autor(a):