DIRCEU DETROZ

 -  - DIRCEU DETROZ
Total Visualizações: 832652
Texto mais lido:
A NOITE DE ONTEM - Total: 1836
Educares são nossos pontos, nossa pontuação! Educares: 3117
10 Autores mais recentes...
ANA PAULA DE JESUS OLIVEIRA
MICHELE LIMA CAVALCANTE
ROSA SANTOS DA SILVA
SHIRLEY A. MORAIS
IVONETE MELO DE CARVALHO
PRISCILA MIDORI
SIMONE BIANCHI ZAAR
PROF VANESSA VIEIRA
MARCIA MARIA COUTO COSTA EL CORAB
GERALDA JÚNIA LEMOS PEREIRA
10 Autores mais lidos...
613 SEDNAN MOURA
SEDNAN MOURA
Total: 6394934
657 ELIO MOREIRA
ELIO MOREIRA
Total: 1258270
285 ALEXANDRE BRUSSOLO
ALEXANDRE BRUSSOLO
Total: 966469
190 DIRCEU DETROZ
DIRCEU DETROZ
Total: 832652
622 SANTO VANDINHO
SANTO VANDINHO
Total: 495564
1121 THALYA SANTOS
THALYA SANTOS
Total: 244003
272 PEDRO VONO
PEDRO VONO
Total: 151946
218 ZILDO GALLO
ZILDO GALLO
Total: 129342
496 ALBERTO DOS ANJOS COSTA
ALBERTO DOS ANJOS COSTA
Total: 122355
189 LADISLAU FLORIANO
LADISLAU FLORIANO
Total: 108037
Sala de Leitura
Busca Geral:
Nome/login (Autor)
Título
Texto TituloTexto



Total de visualização: 218
Textos & Poesias
Imprimir

Total Votos: 0
 
 

Passeatas e cartazes não bastam

Novamente chegaremos ao dia 5 de junho. Desde 1972, nesta data se comemora o Dia Mundial do Meio Ambiente. Certamente veremos passeatas mundo afora. Ouviremos palavras de ordem. Alguns que gritam serão achincalhados por currais ideológicos. Leremos frases nos cartazes focados pelas câmeras de televisão. Algumas serão estampadas na primeira página dos grandes jornais.

Passado o dia, ficará a impressão que se tratou de uma festa e nada mais. Não se terá a percepção de que os grandes problemas ambientais no nosso planeta permanecerão sem soluções. Na verdade, eles estão aumentando numa velocidade assustadora. Depois da festa a realidade é uma pandemia de destruição.

É espantoso. Nas conferências os humanos dificilmente chegam ao consenso. Cada um prefere olhar para o seu próprio umbigo. Quase como se cada umbigo fosse um habitat único. Dificilmente um humano não cai nas garras das lavagens cerebrais produzidas pelas fronteiras do seu país.

Alteramos de forma irrecuperável o clima do nosso planeta. A extinção de milhares de espécies tem a nossa assinatura. Evoluímos com o DNA de predador. Possivelmente o mais perigoso que já existiu. Esse predador não tem poupado esforços. Está antecipando o futuro da sua própria extinção.

Sinais desse futuro estão por toda parte. A poluição provocada pela era industrial também não se deteve diante de fronteiras. Para tentar manter nosso nível de sustentabilidade somos obrigados a uma continua destruição. No comando da sustentabilidade, o agronegócio tomou o lugar da indústria como poluidor planetário.

Com o aquecimento global antes em séculos, agora o desaparecimento do gelo no Ártico é contado em décadas. Nos países escandinavos, grandes geleiras deixaram de existir. Outras estão trilhando o mesmo caminho. Se o descongelamento do permafrost está revelando muito do passado no planeta Terra, está abrindo janelas para nos mostrar um terrível futuro.

Nossos mares foram transformados em imensos depósitos de lixo. Esse é outro caminho para o qual não há mais volta. Em alguns lugares já é possível observar ondas de plásticos. É certeza que os níveis os oceanos estão se elevando. Chegará o dia da maior migração de humanos fugindo das águas.

O paradoxo. Enquanto as águas dos oceanos afugentarão milhões de seus lares, outros milhões não terão sequer uma gota de água para beber. Hoje, conflitos militares entre nações pela água ainda permanece ficção. A realidade chegará. E nunca podemos descartar aparecer algum louco envenenando a água. Já aconteceu na Flórida em fevereiro deste ano. Pelo sistema, um hacker tentou contaminar a água elevando o nível de hidróxido de sódio para 11 mil partes por milhão. O normal é 100 ppm.

 
   
Comente o texto do autor. Para isso, faça seu login. Mais textos de DIRCEU DETROZ:
10% humano Autor(a):
A "IA" NÃO SERÁ UM MENINO BONITO Autor(a):
A ALMA A SINGULARIDADE E O FUTURO Autor(a):
A causa da ciência Autor(a):
A CHEGADA Autor(a):
A CIÊNCIA ACIMA DE TODOS Autor(a):
A CULPA NÃO É DOS OSSOS - Crônica escrita em 2014 Autor(a):
A década revolucionária Autor(a):
A descoberta da Terra Autor(a):
A EQUAÇÃO DA ALMA Autor(a):
A esperança e a dor Autor(a):
À ESPREITA Autor(a):
A ESTRANHA INTELIGÊNCIA Autor(a):
A falta de sorte deles Autor(a):
A garota de Sugar Beach Autor(a):
A garota dos coturnos voltou Autor(a):
A GENÉTICA DIVINA Autor(a):
A História e a lenda Autor(a):
A IA e o xadrez Autor(a):
A ideologia dos algoritmos Autor(a):
A ideologia e a cultura Autor(a):
A INDUSTRIA GENÉTICA NÃO É FICÇÃO Autor(a):
A INFÂNCIA DOS LIVROS Autor(a):
A LIZZ DO DIR Autor(a):
A MAÇA DO CONHECIMENTO Autor(a):
A MENINA NA JANELA Autor(a):
A morte da morte Autor(a):
A negação dos radicais Autor(a):
A NOITE DE ONTEM Autor(a):
A NOSSA IDADE DAS TREVAS Autor(a):