THALYA SANTOS

 -  - THALYA SANTOS
Total Visualizações: 91124
Texto mais lido:
AMANHECER NA QUERÊNCIA - Total: 608
Educares são nossos pontos, nossa pontuação! Educares: 1269
10 Autores mais recentes...
JOSÉ ROBERTO DA SILVA
VALDINEI DA SILVA CAMPOS
MILTON JORGE DA SILVA
CELSO GABRIEL DE TOLEDO E SILVA
MARIA DE SOUZA CEZAR
EVERALDO JOSÉ CAVALHEIRO PAVÃO
JOSE JOÃO BOSCO PEREIRA
RUAN VIEIRA
FERNANDO DANIEL FRANCO DE CAMARGO
ELIAS OLIVEIRA DE JESUS
10 Autores mais lidos...
613 SEDNAN MOURA
SEDNAN MOURA
Total: 1474902
285 ALEXANDRE BRUSSOLO
ALEXANDRE BRUSSOLO
Total: 250104
190 DIRCEU DETROZ
DIRCEU DETROZ
Total: 124908
272 PEDRO VONO
PEDRO VONO
Total: 112253
1121 THALYA SANTOS
THALYA SANTOS
Total: 91124
622 EVANDRO JORGE DO ESPIRITO SANTO
EVANDRO JORGE DO ESPIRITO SANTO
Total: 55017
218 ZILDO GALLO
ZILDO GALLO
Total: 33597
496 ALBERTO DOS ANJOS COSTA
ALBERTO DOS ANJOS COSTA
Total: 31510
189 LADISLAU FLORIANO
LADISLAU FLORIANO
Total: 30369
385 ANDRADE JORGE
ANDRADE JORGE
Total: 25937
Sala de Leitura
Busca Geral:
Nome/login (Autor)
Título
Texto TituloTexto



Total de visualização: 226
Textos & Poesias
Imprimir

Total Votos: 0
DICA: Utilize o botão COMPARTILHAR (do facebook em azul) ou o LINK CURTO que disponibilizamos logo abaixo desse botão para compartilhar seu TALENTO nas Redes Sociais, compartilhando com mais fãs e leitores de toda parte do Mundo Virtual. Esse recurso foi desenvolvido para ajudar na divulgação de seus textos. USE SEMPRE QUE DESEJAR!
  Anote esse link curto de seu texto e divulgue nas redes sociais.

O PASSADO RABISCADO


*** Faça o seu Login e envie esse texto por email ***

Há meu passado...
Rabiscados em folha de papel
Que destino cruel.
Do quebra cabeça
Pedaços vai faltar.
Já não posso completar.
O quadro...
De minha vida ,de minha história
Guardarei na memória.
As peças se perderam
Furtados, frustradas
Por um destino sem dó
Hoje estou só...
Mas...
Como dizia a vovó
Antes só...
Que mal acompanhada
E assim tenho andado
Meia viva, meia morta
Mas...
Mas o que importa.
A história
Não posso mudar
E o começo voltar!
O meio...O meio esquecer!
Mas quem sabe!
Quem sabe nesta história
Um belo...
Um belo final...
Um belo final ainda irei escrever!

 
   
Comente o texto do autor. Para isso, faça seu login. Mais textos de THALYA SANTOS:
A ALMA Autor(a):
A CADEIRA DA VOVÓ Autor(a):
A CHUVA NÃO PARA Autor(a):
A CIDADE DORME Autor(a):
A CIDADE MAIS ANTIGA DO RIO GRANDE DO SUL ( CURIOSIDADES ) Autor(a):
A DANÇA DA CANETA Autor(a):
A DESGRAÇADA DA ESTELA Autor(a):
A DIFERENÇA DE LADRÃO DE GALINHA E DE ROUBAR O PAÍS Autor(a):
A DOR QUE SUFOCO EM MEU PEITO Autor(a):
A ESCADA Autor(a):
A ESCOLA DA VIDA Autor(a):
A FORÇA DA AMIZADE Autor(a):
A HERANÇA Autor(a):
A HISTÓRIA DA VELHA Autor(a):
A HISTÓRIA DO PIÁ Autor(a):
A IMPORTÂNCIA DO QUASE Autor(a):
A LUA FOI DORMIR Autor(a):
A MADRUGADA Autor(a):
A MAGIA DA NOITE Autor(a):
A MENINA E HISTÓRIA Autor(a):
A MINHA AMIGA AMARILLIS Autor(a):
A MORTE Autor(a):
A MORTE NÃO INTERROMPE A VIDA Autor(a):
A PALHAÇA Autor(a):
A PERERECA GELADA Autor(a):
A POESIA DO NADA Autor(a):
A POESIA ME ABRAÇA Autor(a):
A POESIA ME ABRAÇA Autor(a):
A PORTA TRANCADA Autor(a):
A RUA Autor(a):