GURU EVALD

 -  - GURU EVALD
Total Visualizações: 1560
Texto mais lido:
AMOR E HUMOR - Total: 277
Educares são nossos pontos, nossa pontuação! Educares: 564
10 Autores mais recentes...
VALDINEI DA SILVA CAMPOS
MILTON JORGE DA SILVA
CELSO GABRIEL DE TOLEDO E SILVA
MARIA DE SOUZA CEZAR
EVERALDO JOSÉ CAVALHEIRO PAVÃO
JOSE JOÃO BOSCO PEREIRA
RUAN VIEIRA
FERNANDO DANIEL FRANCO DE CAMARGO
ELIAS OLIVEIRA DE JESUS
MARISA BARBOSA CAJADO
10 Autores mais lidos...
613 SEDNAN MOURA
SEDNAN MOURA
Total: 1329592
285 ALEXANDRE BRUSSOLO
ALEXANDRE BRUSSOLO
Total: 239546
272 PEDRO VONO
PEDRO VONO
Total: 111013
190 DIRCEU DETROZ
DIRCEU DETROZ
Total: 107163
1121 THALYA SANTOS
THALYA SANTOS
Total: 86450
622 EVANDRO JORGE DO ESPIRITO SANTO
EVANDRO JORGE DO ESPIRITO SANTO
Total: 48356
218 ZILDO GALLO
ZILDO GALLO
Total: 31035
496 ALBERTO DOS ANJOS COSTA
ALBERTO DOS ANJOS COSTA
Total: 29457
189 LADISLAU FLORIANO
LADISLAU FLORIANO
Total: 28143
385 ANDRADE JORGE
ANDRADE JORGE
Total: 24449
Sala de Leitura
Busca Geral:
Nome/login (Autor)
Título
Texto TituloTexto



Total de visualização: 99
Textos & Poesias
Imprimir

Total Votos: 0
DICA: Utilize o botão COMPARTILHAR (do facebook em azul) ou o LINK CURTO que disponibilizamos logo abaixo desse botão para compartilhar seu TALENTO nas Redes Sociais, compartilhando com mais fãs e leitores de toda parte do Mundo Virtual. Esse recurso foi desenvolvido para ajudar na divulgação de seus textos. USE SEMPRE QUE DESEJAR!
  Anote esse link curto de seu texto e divulgue nas redes sociais.

PARODIAR É PRECISO - A INFELICIDADE


*** Faça o seu Login e envie esse texto por email ***

(Paródia – não formal e não tão burlesca – do soneto “A Felicidade” de Fernando Pessoa)

Só a leve esperança em toda a vida
Disfarça a pena de viver, mais nada;
Não é mais a existência, resumida,
Que uma breve esperança malograda.

O pesadelo da alma em terra natal enfadada,
Pesadelo que a traz ansiosa e sempre aflita
É que a hora do voo fique sempre adiada
E que não chegue nunca em toda vida.

Essa infelicidade que criamos,
Árvore desgraçada que constatamos
Toda arreada de fétidos pomos,

É indefectível sim: e sempre com ela estamos,
Porque ela está sempre apenas onde a pomos
E sempre a pomos onde nos encontramos.

Guru Evald

 
   
Comente o texto do autor. Para isso, faça seu login. Mais textos de GURU EVALD:
A LIBERDADE Autor(a):
A VARANDINHA Autor(a):
AMOR E HUMOR Autor(a):
AVE DULCE Autor(a):
GORDO ROXO Autor(a):
NÃO É O TEMPO... Autor(a):
O GRANDE ENTRETENIMENTO... Autor(a):
PARA COLAR NO ÁLBUM DE RETRATOS DA ARTE Autor(a):
PARODIAR É PRECISO - A INFELICIDADE Autor(a):
QUE SERIA DO EGO... Autor(a):
RAP CRUEL DA SOCIALITE CRUEL OU ANTIRAP DA MILIONÁRIA MALVADA Autor(a):
SEM ESPERANÇA O AMOR E A AMBIÇÃO... Autor(a):