PAULO FONTENELLE DE ARAUJO

 -  - PAULO FONTENELLE
Total Visualizações: 13037
Texto mais lido:
A CIDADE POSSÍVEL - Total: 160
Educares são nossos pontos, nossa pontuação! Educares: 1532
10 Autores mais recentes...
DALILA DO NASCIMENTO DOS SANTOS
CLEITON CARVALHO DE JESUS GONSALVES
LUIZA NASCIMENTO ABREU
MARCO PAULO VALERIANO DE BRITO
ALHOSAL
JUAN CARLOS
DARLAN BEZERRA PILAR
JOSÉ ROBERTO DA SILVA
VALDINEI DA SILVA CAMPOS
JOSÉ MARIA AMARANTO
10 Autores mais lidos...
613 SEDNAN MOURA
SEDNAN MOURA
Total: 1826831
285 ALEXANDRE BRUSSOLO
ALEXANDRE BRUSSOLO
Total: 276240
190 DIRCEU DETROZ
DIRCEU DETROZ
Total: 156333
272 PEDRO VONO
PEDRO VONO
Total: 114532
1121 THALYA SANTOS
THALYA SANTOS
Total: 100502
622 EVANDRO JORGE DO ESPIRITO SANTO
EVANDRO JORGE DO ESPIRITO SANTO
Total: 73483
657 ELIO MOREIRA
ELIO MOREIRA
Total: 41186
218 ZILDO GALLO
ZILDO GALLO
Total: 39214
496 ALBERTO DOS ANJOS COSTA
ALBERTO DOS ANJOS COSTA
Total: 35524
189 LADISLAU FLORIANO
LADISLAU FLORIANO
Total: 35284
Sala de Leitura
Busca Geral:
Nome/login (Autor)
Título
Texto TituloTexto



Total de visualização: 150
Textos & Poesias
Imprimir

Total Votos: 0
DICA: Utilize o botão COMPARTILHAR (do facebook em azul) ou o LINK CURTO que disponibilizamos logo abaixo desse botão para compartilhar seu TALENTO nas Redes Sociais, compartilhando com mais fãs e leitores de toda parte do Mundo Virtual. Esse recurso foi desenvolvido para ajudar na divulgação de seus textos. USE SEMPRE QUE DESEJAR!
  Anote esse link curto de seu texto e divulgue nas redes sociais.

A ALMA SURDA


*** Faça o seu Login e envie esse texto por email ***

O vento que pensas passar por ti,
na verdade sai do teu corpo.
Ele é tua alma profunda,
uma aparição que se move
porque espera dizer algo,
te fazer respirar o ar marinho
da inocência amorosa,
te cantar um lamento
para se abeirar como uma aliança exata.
Tua surdez, no entanto, solta um uivo,
dor revolvida que fica.

O vento que pensas passar por ti
é tua alma adolescente
quer brilhar a noite,
quer te encantar,
flor espontânea,
mas das pétalas surgem nuvens,
um acúmulo de dores rumorosas,
que são amores sem matizes.

A viração que passa por ti
não sabe te fazer amar.
Mas resta sempre algum fantasma
que atravessa as paredes,
declama o verso rejuvenescido
de uma musa que tu atinges,
porque aspira e expira o brilho lúcido
do cigarro aflitivo da poesia,

Do livro:Adversos e outros momentos

 
   
Comente o texto do autor. Para isso, faça seu login. Mais textos de PAULO FONTENELLE DE ARAUJO:
20 DE JANEIRO DE 1983 Autor(a):
A ALMA SURDA Autor(a):
A BELEZA, QUARTA DIMENSÃO Autor(a):
A CIDADE POSSÍVEL Autor(a):
A DESCONSTRUÇÃO Autor(a):
A FORMIGA ALHEIA Autor(a):
A INVENÇÃO DO FUTEBOL Autor(a):
A LISTA Autor(a):
A MÁQUINA DO TEMPO Autor(a):
A MULHER DO LOUCO Autor(a):
A MÚMIA Autor(a):
A PRIMAVERA DAS FADAS Autor(a):
A SONDA AMERICANA VOYAGER I Autor(a):
A TEVÊ LIGADA Autor(a):
ALGUMAS PRINCESAS Autor(a):
ALMA SURDA Autor(a):
AMO A VIDA COMO WALT WHITMAN Autor(a):
AMOR ATO VINTE Autor(a):
AMOR AOS DOZE ANOS Autor(a):
AMOR ATO CINCO Autor(a):
AMOR ATO DEZ Autor(a):
AMOR ATO DEZENOVE Autor(a):
AMOR ATO DEZESSEIS Autor(a):
AMOR ATO DEZESSETE Autor(a):
AMOR ATO OITO Autor(a):
AMOR ATO ONZE Autor(a):
AMOR ATO SEIS Autor(a):
AMOR ATO TRÊS Autor(a):
AMOR ATO UM Autor(a):
AMOR VULGAR Autor(a):


Banner aniversariantes

Aniversário Hoje

Aniversariante de Hoje MARLI FIORENTIN