ANTONIO SALES

 -  - ANTONIO SALES
Total Visualizações: 9475
Texto mais lido:
ESTRADA - Total: 443
Educares são nossos pontos, nossa pontuação! Educares: 299
10 Autores mais recentes...
VALDINEI DA SILVA CAMPOS
MILTON JORGE DA SILVA
CELSO GABRIEL DE TOLEDO E SILVA
MARIA DE SOUZA CEZAR
EVERALDO JOSÉ CAVALHEIRO PAVÃO
JOSE JOÃO BOSCO PEREIRA
RUAN VIEIRA
FERNANDO DANIEL FRANCO DE CAMARGO
ELIAS OLIVEIRA DE JESUS
MARISA BARBOSA CAJADO
10 Autores mais lidos...
613 SEDNAN MOURA
SEDNAN MOURA
Total: 1452257
285 ALEXANDRE BRUSSOLO
ALEXANDRE BRUSSOLO
Total: 248610
190 DIRCEU DETROZ
DIRCEU DETROZ
Total: 122922
272 PEDRO VONO
PEDRO VONO
Total: 112056
1121 THALYA SANTOS
THALYA SANTOS
Total: 90534
622 EVANDRO JORGE DO ESPIRITO SANTO
EVANDRO JORGE DO ESPIRITO SANTO
Total: 53947
218 ZILDO GALLO
ZILDO GALLO
Total: 33217
496 ALBERTO DOS ANJOS COSTA
ALBERTO DOS ANJOS COSTA
Total: 31267
189 LADISLAU FLORIANO
LADISLAU FLORIANO
Total: 30029
385 ANDRADE JORGE
ANDRADE JORGE
Total: 25768
Sala de Leitura
Busca Geral:
Nome/login (Autor)
Título
Texto TituloTexto



Total de visualização: 147
Textos & Poesias
Imprimir

Total Votos: 0
DICA: Utilize o botão COMPARTILHAR (do facebook em azul) ou o LINK CURTO que disponibilizamos logo abaixo desse botão para compartilhar seu TALENTO nas Redes Sociais, compartilhando com mais fãs e leitores de toda parte do Mundo Virtual. Esse recurso foi desenvolvido para ajudar na divulgação de seus textos. USE SEMPRE QUE DESEJAR!
  Anote esse link curto de seu texto e divulgue nas redes sociais.

O TEMPO NÃO ESPERA


*** Faça o seu Login e envie esse texto por email ***

O TEMPO NÃO ESPERA
Vir uma criança olhando,
Vir um jovem falando,
Vir um homem chorando,
Vir uma mulher implorando,
Vir um ancião perguntando.

A criança olhava o jovem falando,
Que falava ao homem que esteve chorando,
Chorava pela mulher que estava implorando,
Implorava a solução, pela dor do ancião,
Que perguntava por que sofria o coração.

A criança cresceu sonhando,
O jovem tornou-se adulto acreditando,
O homem envelheceu duvidando,
A mulher deixou de implorar, e esqueceu seus prantos,
O ancião morreu sem a resposta do seu desencanto.

A criança tornou se um jovem falante,
O jovem tornou se um homem chorando,
O homem é agora um ancião perguntando,
A mulher envelheceu e continuou implorando,
O ancião partiu, já faz um ano.

 
   
Comente o texto do autor. Para isso, faça seu login. Mais textos de ANTONIO SALES:
A Autor(a):
A FÉ SEM AS OBRAS É MORTA Autor(a):
A FÓRMULA DO AMOR Autor(a):
A TUA BELEZA Autor(a):
A VIDA Autor(a):
AJUDE A NATUREZA Autor(a):
AMIGO DA ONÇA Autor(a):
ANTONIO Autor(a):
BÊBADO E DOIDO Autor(a):
BRINCADEIRA ANTIGA Autor(a):
CARLA (uma deusa grega em minha vida) Autor(a):
CASA NA NEVE Autor(a):
COMO NASCE O AMOR Autor(a):
DE FATO É VERDADE. COMENTE Autor(a):
DEDIQUEI-ME Autor(a):
ESCREVER É ARTE Autor(a):
ESCRITO DO MEU CORAÇÃO Autor(a):
ESTRADA Autor(a):
ESTRANHO Autor(a):
EU ENCONTREI Autor(a):
EU ESCOLHI VOCÊ Autor(a):
EU TE AMO Autor(a):
EU TE AMO ETERNAMENTE Autor(a):
FALANDO COM DEUS Autor(a):
FLORES LINDAS Autor(a):
FORMIGA CARREGANDO SAL Autor(a):
HAGAL Autor(a):
INDECISÃO Autor(a):
JESUS CRISTO Autor(a):
LUA DE CRISTAL Autor(a):