VAGNER OLIVEIRA

 -  - VAGNER OLIVEIRA
Total Visualizações: 1437
Texto mais lido:
Outono - Total: 282
Educares são nossos pontos, nossa pontuação! Educares: 151
10 Autores mais recentes...
JOSÉ ROBERTO DA SILVA
VALDINEI DA SILVA CAMPOS
MILTON JORGE DA SILVA
CELSO GABRIEL DE TOLEDO E SILVA
MARIA DE SOUZA CEZAR
EVERALDO JOSÉ CAVALHEIRO PAVÃO
JOSE JOÃO BOSCO PEREIRA
RUAN VIEIRA
FERNANDO DANIEL FRANCO DE CAMARGO
ELIAS OLIVEIRA DE JESUS
10 Autores mais lidos...
613 SEDNAN MOURA
SEDNAN MOURA
Total: 1478494
285 ALEXANDRE BRUSSOLO
ALEXANDRE BRUSSOLO
Total: 250385
190 DIRCEU DETROZ
DIRCEU DETROZ
Total: 125228
272 PEDRO VONO
PEDRO VONO
Total: 112265
1121 THALYA SANTOS
THALYA SANTOS
Total: 91231
622 EVANDRO JORGE DO ESPIRITO SANTO
EVANDRO JORGE DO ESPIRITO SANTO
Total: 55194
218 ZILDO GALLO
ZILDO GALLO
Total: 33651
496 ALBERTO DOS ANJOS COSTA
ALBERTO DOS ANJOS COSTA
Total: 31553
189 LADISLAU FLORIANO
LADISLAU FLORIANO
Total: 30413
385 ANDRADE JORGE
ANDRADE JORGE
Total: 25987
Sala de Leitura
Busca Geral:
Nome/login (Autor)
Título
Texto TituloTexto



Total de visualização: 118
Textos & Poesias
Imprimir

Total Votos: 0
DICA: Utilize o botão COMPARTILHAR (do facebook em azul) ou o LINK CURTO que disponibilizamos logo abaixo desse botão para compartilhar seu TALENTO nas Redes Sociais, compartilhando com mais fãs e leitores de toda parte do Mundo Virtual. Esse recurso foi desenvolvido para ajudar na divulgação de seus textos. USE SEMPRE QUE DESEJAR!
  Anote esse link curto de seu texto e divulgue nas redes sociais.

Ilusões de uma Vida


*** Faça o seu Login e envie esse texto por email ***

Tudo na vida é momentâneo
É a concreta realidade
Aparentemente a única realidade
A tristeza e a alegria são sentimentos antagônicos
Porém, são reais

Cada momento é um sentimento único, real, vívido
Este exato instante é intrinsecamente concreto para mim
Mas olhando além do hoje-agora;
O amanhã-futuro
Já não será tão concreto para alguém que lê estes pensamentos
Efetivamente a sólida realidade do agora
Se tornará mera e efêmera ilusão de uma vida passada
Deixando de ser tão concreto para quem estiver lendo

Mesmo sendo cada sentido tão real, tão pulsante
A música tocando
Os cães latindo
As pessoas conversando
O tempo nublado
Ah! Que realidade vívida agora (para mim)

Mas como tudo passa impiedosamente
Este momento também passará e já não será tão real
Quanto o é agora

Como em um museu
Lembranças vastas de cousas
que outrora eram a mais pura realidade
daquele momento para aquelas pessoas
Mas agora para mim são nada mais que lembranças

Simplesmente lembranças
Nomes ilustres
Nomes históricos
Nomes concretos
Momentos concretamente esquecidos
Em um tempo outrora vívido
Mas, que agora são ilusões para mim
Crianças no colo de suas mães
Agora não passam de fotografias em uma parede qualquer
Fotografias de pais, avós, irmãos e amigos

Até mesmo o tempo-histórico não é o mesmo
Tudo para eles era tão real
Mas, para mim, agora não passa de algo tão distante
Na memória ou na história
de um livro qualquer

O mesmo se dará daqui algum tempo quando alguém
olhar (talvez) a minha foto
e também pensar na efêmera
ilusão da realidade presente
Esta fotografia de minha pessoa pode ser concreta
mas a pessoa a quem ela representa
Já não será tão concreta assim
E alguém com um pequeno gesto
simplesmente deixará esta lembrança em um canto qualquer

Pois a ilusão da vida...
Continua para ela concreta,
real e ...
momentânea!!!

 
   
Comente o texto do autor. Para isso, faça seu login. Mais textos de VAGNER OLIVEIRA:
ANALISANDO: SER PENSANTE Autor(a):
Angústia Autor(a):
Até Quando...? Autor(a):
Contraditório Autor(a):
Dor da Alma Autor(a):
Felicidade Autor(a):
História de Amor Autor(a):
Ilusões de uma Vida Autor(a):
NO BOSQUE (sozinho) Autor(a):
Outono Autor(a):