TÂNIA DU BOIS

212 -
Total Visualizações: 5378
Texto mais lido:
A ARTE DE FAZER EXISTIR O FIM - Total: 248
Educares são nossos pontos, nossa pontuação! Educares: 193
10 Autores mais recentes...
IVONE DETTMANN GONCALVES
HERBERTEEN SANTOS
DALILA DO NASCIMENTO DOS SANTOS
CLEITON CARVALHO DE JESUS GONSALVES
LUIZA NASCIMENTO ABREU
MARCO PAULO VALERIANO DE BRITO
ALHOSAL
JUAN CARLOS
DARLAN BEZERRA PILAR
JOSÉ ROBERTO DA SILVA
10 Autores mais lidos...
613 SEDNAN MOURA
SEDNAN MOURA
Total: 2205370
285 ALEXANDRE BRUSSOLO
ALEXANDRE BRUSSOLO
Total: 301002
190 DIRCEU DETROZ
DIRCEU DETROZ
Total: 196042
272 PEDRO VONO
PEDRO VONO
Total: 116690
1121 THALYA SANTOS
THALYA SANTOS
Total: 106808
622 EVANDRO JORGE DO ESPIRITO SANTO
EVANDRO JORGE DO ESPIRITO SANTO
Total: 95060
657 ELIO MOREIRA
ELIO MOREIRA
Total: 68063
218 ZILDO GALLO
ZILDO GALLO
Total: 43437
189 LADISLAU FLORIANO
LADISLAU FLORIANO
Total: 38608
496 ALBERTO DOS ANJOS COSTA
ALBERTO DOS ANJOS COSTA
Total: 38387
Sala de Leitura
Busca Geral:
Nome/login (Autor)
Título
Texto TituloTexto



Total de visualização: 74
Textos & Poesias
Imprimir

Total Votos: 0
DICA: Utilize o botão COMPARTILHAR (do facebook em azul) ou o LINK CURTO que disponibilizamos logo abaixo desse botão para compartilhar seu TALENTO nas Redes Sociais, compartilhando com mais fãs e leitores de toda parte do Mundo Virtual. Esse recurso foi desenvolvido para ajudar na divulgação de seus textos. USE SEMPRE QUE DESEJAR!
  Anote esse link curto de seu texto e divulgue nas redes sociais.

A IMAGINAÇÃO É SUFICIENTE PARA DESCREVER O MUNDO?


*** Faça o seu Login e envie esse texto por email ***

“Imaginário //... penso em palavras / chego a ti / penso em liberdade / chego a ti / penso em versos / chego a nós...” (Carmen Presotto)

O mundo da imaginação se revela como arte literária ao oferecer ao leitor bons momentos de prazer, conhecimento e boa dose de diversão e emoção que, com técnicas multiplicadas em recursos expressivos, especulam como seria o mundo. Em linguagem mágica há número significativo de motivos que o leitor, orgulhosamente, conecta com o seu tempo e também com os interesses desse tempo. Nas palavras de Gabriel Garcia Marquez, “acho que a imaginação é apenas um instrumento de elaboração da realidade. Mas a fonte de criação, afinal das contas, é sempre a realidade”.
No mundo da imaginação, encontro no tempo palavras onde os valores sociais e individuais se movimentam conforme o escritor sente a vida ao registrar a passagem do tempo, marcado pelo seu estilo e percepção apurada sobre o mundo. Para Proust, na visão de Umberto Eco, “o estilo torna-se uma espécie de inteligência transformada, incorporada na matéria...”. Luiz Coronel demonstra, “...faço um barco de papel / dos cantares que componho. / Me vou com as águas da chuva, / levando meus versos / por mares e por granjas. / No verso, quero que sintas / o sumo bom das laranjas”.
Num mundo de contrastes é significativo rememorar e reavivar a imaginação com talento e arte para descrever o mundo, que ao ser revelado pela palavra transforma magicamente o cotidiano em histórias. Certamente, essas histórias contribuem para que possamos participar do mundo criativo de luzes e sombras, como revela Dinair Pires, “Se “eu” não fosse “eu” / e noutro reino vivesse / gostaria de ser um passarinho // com plumagem leve / voar sem limites / tendo o céu por moldura, / o chão como apoio / e o ninho... para repouso”; Sérgio de Castro Pinto apresenta, no livro Zôo Imaginário, “a zebra / é a edição / extra // de um cavalo / que virou / notícia”.
No mundo da imaginação há medidas que começam pela ilusão de estarmos diante de um novo mundo, o que pode nos roubar o espaço e a alegria no pensar e, consequentemente, de nos inspirar, pois, como em Nilto Maciel, “Minha imaginação é tão prodigiosa, que consigo escrever mentalmente um romance a cada noite. Entretanto, não tenho capacidade de copiar, de transpor para o papel nem a milésima parte do que imagino”.
Por essa razão, revelo que a imaginação provoca modificações no escritor/leitor, suficientes para descrever uma nova realidade a partir do mundo em que vivemos.

 
   
Comente o texto do autor. Para isso, faça seu login. Mais textos de TÂNIA DU BOIS:
A arte da Escolha Autor(a):
A arte da SIMPLIFICAÇÃO e a beleza da SIMPLICIDADE Autor(a):
A ARTE DE FAZER EXISTIR O FIM Autor(a):
A ARTE DE FAZER EXISTIR O FIM Autor(a):
A BUSCA da BELEZA Autor(a):
A CARTA Autor(a):
A casa Autor(a):
A CIDADE Autor(a):
A COR do INVISÍVEL ( II ) Autor(a):
A COR do INVISÍVEL (I) Autor(a):
A IMAGINAÇÃO É SUFICIENTE PARA DESCREVER O MUNDO? Autor(a):
ARTE: Discussão Literária Autor(a):
ARTE: VOCAÇÃO E PAIXÃO Autor(a):
AS APARÊNCIAS ENGANAM Autor(a):
AS MÃOS Autor(a):
ATRÁS DA NOITE Autor(a):
AUTÓGRAFOS Autor(a):
CASSINO DA MAROCA Autor(a):
CENA de RUA: livro de imagens Autor(a):
CONSTRANGER & ser CONSTRANGIDO Autor(a):
CONVERSANDO sobre SEXUALIDADE Autor(a):
COR no ESCURO Autor(a):
DIA FORA de HORA Autor(a):
DIAS PERDIDOS Autor(a):
DOR Autor(a):
Elogiar Autor(a):
EM PASSOS PESSOAIS Autor(a):
ENCONTRO AMARGO Autor(a):
ESTANTE Autor(a):
EXÍLIO Autor(a):