PAULO FONTENELLE DE ARAUJO

 -  - PAULO FONTENELLE
Total Visualizações: 5755
Texto mais lido:
UM TEOREMA DE PITÁGORAS - Total: 85
Educares são nossos pontos, nossa pontuação! Educares: 852
10 Autores mais recentes...
SALETI HARTMANN
ELIZABETH PEREIRA DA SILVA
ELLENDRA VALENTINE
ONIVAN BARBOSA PANTOJA
ADALTO FREITAS
PERGENTINO JUNIOR
MARIA DO SOCORRO DOMINGOS
PAOLA CAMILA DOS SANTOS ESQUIVEL
SALETE APARECIDA DOS SANTOS
TAMARA SCARLAT PEREIRA DE SOUZA
10 Autores mais lidos...
613 SEDNAN MOURA
SEDNAN MOURA
Total: 1043709
285 ALEXANDRE BRUSSOLO
ALEXANDRE BRUSSOLO
Total: 202691
272 PEDRO VONO
PEDRO VONO
Total: 109017
1121 THALYA SANTOS
THALYA SANTOS
Total: 74281
190 DIRCEU DETROZ
DIRCEU DETROZ
Total: 60490
622 EVANDRO JORGE DO ESPIRITO SANTO
EVANDRO JORGE DO ESPIRITO SANTO
Total: 37193
496 ALBERTO DOS ANJOS COSTA
ALBERTO DOS ANJOS COSTA
Total: 25081
218 ZILDO GALLO
ZILDO GALLO
Total: 23802
189 LADISLAU FLORIANO
LADISLAU FLORIANO
Total: 22567
385 ANDRADE JORGE
ANDRADE JORGE
Total: 21308
Sala de Leitura
Busca Geral:
Nome/login (Autor)
Título
Texto TituloTexto



Total de visualização: 27
Textos & Poesias
Imprimir

Total Votos: 0
DICA: Utilize o botão COMPARTILHAR (do facebook em azul) ou o LINK CURTO que disponibilizamos logo abaixo desse botão para compartilhar seu TALENTO nas Redes Sociais, compartilhando com mais fãs e leitores de toda parte do Mundo Virtual. Esse recurso foi desenvolvido para ajudar na divulgação de seus textos. USE SEMPRE QUE DESEJAR!
  Anote esse link curto de seu texto e divulgue nas redes sociais.

TRÊS OLHARES POSSÍVEIS


*** Faça o seu Login e envie esse texto por email ***

No século XIX
não se imaginava a internet.
O que não se imagina agora:
você não morrerá,
escolherá um filme
e prosseguirá como figurante.
Escolhi o filme “Meia-noite em Paris”
Estou em Paris
dentro de um bar com meu amor,
ali no fundo do ambiente.


Como uma ampulheta
você sempre retorna
para melhorar seu próprio universo
Neste meu atual período de mundo,
fui um criador mediano,
criei poucos músicos
e poetas não aprendizes


A adolescente em fevereiro de 2019,
no seu quarto na cidade de Chicago
a dez graus abaixo de zero,
olha uma foto da Pedra do Arpoador
de um Rio muito quente e diz:
- O calor dos meus sonhos
também esquenta a pedra!

 
   
Comente o texto do autor. Para isso, faça seu login. Mais textos de PAULO FONTENELLE DE ARAUJO:
A ALMA SURDA Autor(a):
A BELEZA, QUARTA DIMENSÃO Autor(a):
A CIDADE POSSÍVEL Autor(a):
A DESCONSTRUÇÃO Autor(a):
A FORMIGA ALHEIA Autor(a):
A LISTA Autor(a):
A MÁQUINA DO TEMPO Autor(a):
A PRIMAVERA DAS FADAS Autor(a):
A SONDA AMERICANA VOYAGER I Autor(a):
A TEVÊ LIGADA Autor(a):
ALGUMAS PRINCESAS Autor(a):
ALMA SURDA Autor(a):
AMOR AOS DOZE ANOS Autor(a):
AMOR ATO CINCO Autor(a):
AMOR ATO DEZ Autor(a):
AMOR ATO OITO Autor(a):
AMOR ATO ONZE Autor(a):
AMOR ATO SEIS Autor(a):
AMOR ATO TRÊS Autor(a):
AMOR ATO UM Autor(a):
ANÚNCIOS BRANCOS Autor(a):
AQUI SE MORRE DE CÂNCER Autor(a):
AS CRIANÇAS DO GENERAL MÉDICI Autor(a):
AS MARCAS Autor(a):
AS MENINAS Autor(a):
ATERRISSAGENS Autor(a):
ATRÁS DE MIM Autor(a):
ATRÁS DO SOBRADO Autor(a):
AVENIDA DE TOLERÂNCIA Autor(a):
BERENICE E SEUS FILHOS CRESCIDOS Autor(a):