DIRCEU DETROZ

 -  - DIRCEU DETROZ
Total Visualizações: 122899
Texto mais lido:
BAILARINA - Total: 521
Educares são nossos pontos, nossa pontuação! Educares: 1629
10 Autores mais recentes...
VALDINEI DA SILVA CAMPOS
MILTON JORGE DA SILVA
CELSO GABRIEL DE TOLEDO E SILVA
MARIA DE SOUZA CEZAR
EVERALDO JOSÉ CAVALHEIRO PAVÃO
JOSE JOÃO BOSCO PEREIRA
RUAN VIEIRA
FERNANDO DANIEL FRANCO DE CAMARGO
ELIAS OLIVEIRA DE JESUS
MARISA BARBOSA CAJADO
10 Autores mais lidos...
613 SEDNAN MOURA
SEDNAN MOURA
Total: 1451050
285 ALEXANDRE BRUSSOLO
ALEXANDRE BRUSSOLO
Total: 248576
190 DIRCEU DETROZ
DIRCEU DETROZ
Total: 122899
272 PEDRO VONO
PEDRO VONO
Total: 112052
1121 THALYA SANTOS
THALYA SANTOS
Total: 90510
622 EVANDRO JORGE DO ESPIRITO SANTO
EVANDRO JORGE DO ESPIRITO SANTO
Total: 53931
218 ZILDO GALLO
ZILDO GALLO
Total: 33212
496 ALBERTO DOS ANJOS COSTA
ALBERTO DOS ANJOS COSTA
Total: 31262
189 LADISLAU FLORIANO
LADISLAU FLORIANO
Total: 30019
385 ANDRADE JORGE
ANDRADE JORGE
Total: 25767
Sala de Leitura
Busca Geral:
Nome/login (Autor)
Título
Texto TituloTexto



Total de visualização: 197
Textos & Poesias
Imprimir

Total Votos: 0
DICA: Utilize o botão COMPARTILHAR (do facebook em azul) ou o LINK CURTO que disponibilizamos logo abaixo desse botão para compartilhar seu TALENTO nas Redes Sociais, compartilhando com mais fãs e leitores de toda parte do Mundo Virtual. Esse recurso foi desenvolvido para ajudar na divulgação de seus textos. USE SEMPRE QUE DESEJAR!
  Anote esse link curto de seu texto e divulgue nas redes sociais.

Prisioneiros das Narrativas


*** Faça o seu Login e envie esse texto por email ***

Viajando ao passado e ao futuro, “Sapiens: Uma Breve História da Humanidade” e Homo Deus: Uma Breve História do amanhã” obras do israelense Yuval Noah Harari venderam juntas mais de 12 milhões de exemplares. Ph.D. em história pela Universidade de Oxford, Harari é professor na Universidade Hebraica de Jerusalém.

Em “Sapiens” a viagem é pela nossa evolução desde a Idade da Pedra até o século XXI. Pela teoria de Harari nossa espécie dominou o planeta por ser a única com capacidade de acreditar em coisas que não existem na natureza, e são produzidas pela nossa imaginação. Tudo é ficção desde os deuses até o dinheiro.

A viagem de “Homo Deus” é uma especulação de para onde nossa evolução nos levará baseado nos caminhos que nos trouxeram até aqui. O detalhe importante desta viagem futurística é entender que a tecnologia se incorpora em nossas vidas como se fosse uma segunda pele. Que futuro daremos ao nosso planeta.

Com “21 Lições para o Século 21”, Harari desembarca na atualidade. As lições vão desde compaixão, preconceito chegando as fake news. Dos conflitos nucleares aos desastres ambientais. Tecnologia, educação, secularidade e controle mental. Harari prevê um mundo totalmente diferente deste que conhecemos já em 2050.

Harari alerta para a dominação da Inteligência Artificial. Seu primeiro ato será deixar milhões de humanos desempregados. Só que este não é o pior dos cenários. O advento dos algoritmos que já vem ocorrendo transformará os humanos em seres obsoletos. Teremos a aparência de zumbis totalmente descartáveis.

A penúltima das lições discute as narrativas que nos embalaram na caminhada evolutiva. Todas elas baseadas em inverdades. Quais narrativas sobreviverão neste novo mundo. As religiosas? As Ideológicas? Quais narrativas terão a capacidade de se reinventar? Surgirão novas narrativas na forma de lavagem cerebral? Novos deuses?

Essa lição nos permite afirmar que “21 Lições para o Século 21” é uma bela narrativa criada por Harari sobre a nossa atualidade indo três décadas além. Não acaba aí. Ela nos leva de volta ao monstro assustador de “Sapiens”. O ser humano é totalmente escravo das narrativas falsas que ele próprio criou, sejam elas de crenças ou de ideologias.

Se você não se permitir ser um escravo, ainda assim será prisioneiro das narrativas. Podemos não acreditar nas narrativas que nos contam, mas não podemos evitar que a cada momento nossas mentes criem novas narrativas. E faça-se as fake news!

Na última lição Harari sugere a meditação como antídoto para o controle da mente, além de desfazer a crença que cérebro e mente são a mesma coisa. O cérebro é uma rede de neurônios. A mente é um fluxo de experiências subjetivas. Dor, prazer, raiva e amor.

 
   
Comente o texto do autor. Para isso, faça seu login. Mais textos de DIRCEU DETROZ:
A "IA" NÃO SERÁ UM MENINO BONITO Autor(a):
A ALMA A SINGULARIDADE E O FUTURO Autor(a):
A CHEGADA Autor(a):
A CULPA NÃO É DOS OSSOS - Crônica escrita em 2014 Autor(a):
A EQUAÇÃO DA ALMA Autor(a):
À ESPREITA Autor(a):
A GENÉTICA DIVINA Autor(a):
A INDUSTRIA GENÉTICA NÃO É FICÇÃO Autor(a):
A INFÂNCIA DOS LIVROS Autor(a):
A LIZZ DO DIR Autor(a):
A MAÇA DO CONHECIMENTO Autor(a):
A MENINA NA JANELA Autor(a):
A NOITE DE ONTEM Autor(a):
A NOSSA IDADE DAS TREVAS Autor(a):
A NOSSA LÍNGUA PORTUGUESA Autor(a):
A OBRA-PRIMA DO PERDÃO Autor(a):
A REALIDADE E A FICÇÃO Autor(a):
A SAGA DO SOM ESTÉREO Autor(a):
A SENHA Autor(a):
A SENHA Autor(a):
A UTOPIA CÓSMICA Autor(a):
A VAGINA DO PICASSO (Um conto nada intelectual) Autor(a):
A VARIÁVEL ESQUECIDA Autor(a):
A VARIÁVEL HUMANA Autor(a):
A VEZ DAS CIGARRAS Autor(a):
A VEZ DAS CIGARRAS Autor(a):
A VIDA PREGA PEÇAS Autor(a):
A VISITA Autor(a):
A VISITA DO APOPHIS Autor(a):
AÇÃO Autor(a):