Total Visualizações: 14946
Texto mais lido:
PRELUDIO DA INFELICIDADE - Total: 235

Amigos Recentes

87 VERÓNICA ANDREA PERALTA MELENDEZ MOLINA1121 THALYA SANTOS1216 JUAREZ VELÁSQUEZ DE MELLO CARVALHO133 MAURINY BATISTA591 ANTONIO IDÊRLIAN PEREIRA DE SOUSA710 TATIANA ROZARIO508 ANTÔNIO MURILO COSTA627 COLÉGIO NOSSA SENHORA DAS DORES
Meus amigos...
Foto de Capa Efuturo ANDRADE JORGE 385
Todos os textos de: ANDRADE JORGE
Busca Geral:
     
DICA: Utilize o botão COMPARTILHAR (do facebook em azul) ou o LINK CURTO que disponibilizamos logo abaixo desse botão para compartilhar seu TALENTO nas Redes Sociais, compartilhando com mais fãs e leitores de toda parte do Mundo Virtual. Esse recurso foi desenvolvido para ajudar na divulgação de seus textos. USE SEMPRE QUE DESEJAR!

 
Imprimir Texto
Total Votos: 0
Anote esse link curto de seu texto e divulgue nas redes sociais.

FAÇA UMA PONTE


*** Faça o seu Login e envie esse texto por email ***

Se em seu caminho surgir um rio caudaloso, águas agitadas, turbulentas, impedindo a travessia, não se desespere; Vire-se e olhe sua caminhada, veja o vigor de suas pegadas neste chão empoeirado, lembre-se nele você lançou as sementes do amor, que germinaram flores viçosas, árvores frondosas. Elas silenciosamente margearam seus passos, e despretensiosas perfumaram seu íntimo e deram sombra ao espírito afogueado. Então não serão as águas reviradas, mexidas que impedirão sua continuidade, faça uma ponte! use as flores e atravesse; Mas se prestar atenção, acompanhe o serpenteado desse rio, veja que bem mais à frente as águas se amainam se acalmam e se tornam um doce remanso. A vida é assim, ora furacão, ora bonança. Não se esfuzie tanto na bonança e nem desanime na destemperança.
Vá, continue seu caminhar, o sol não esconde seu brilho, ainda que esteja anoitecendo, enquanto o planeta gira ao seu redor, aqui fica a luz do luar clareando essa misteriosa trilha chamada vida.


05/09/2016
 
   
Comente o texto do autor. Para isso, faça seu login.
Total de visualização: 100
[ 30 ] Texto
Votos Poesia Leitura Publicação
0 FAÇA UMA PONTE 100 08/10/2018
0 ESSES DIAS 22 04/10/2018
0 PARTE DE MIM 58 26/09/2018
0 CENA 40 18/09/2018
0 BASTA! 47 14/09/2018
0 CONVITE: PARADA CULTURAL SALTENSE 57 07/09/2018
0 ARDIL 93 04/09/2018
0 RECATO (poesia amor) 58 31/08/2018
0 O BOM CABRITO NÃO BERRA (Crônica) 35 29/08/2018
0 MARIA (desilusão) 45 27/08/2018
0 ASNEIRAS & BESTEIRAS (poesia amor) 73 27/08/2018
0 SEXO (POESIA SENSUAL) 108 24/08/2018
0 APAGÃO (Cotidiano) 105 24/08/2018
0 NÃO MEXE COMIGO (POESIA TRANSCEDENTAL) 64 24/08/2018
0 PAREI NO TEMPO (poesia reflexão) 37 23/08/2018
0 AUSENCIA (poesia amor) 75 22/08/2018
0 MOLAMBO 40 22/08/2018
0 BULA (Poesia reflexão) 41 22/08/2018
0 EU QUERIA SER O VENTO (Mensagem) 47 22/08/2018
0 ATRIZ (POESIA REFLEXÃO) 101 21/08/2018
0 ACQUA (poesia traduzida para o idioma Italiano) 64 20/08/2018
0 ESQUECEU DE MIM (POESIA ESPERANÇA) 42 20/08/2018
0 BRINQUEDO DE CRISTAL (poesia desilusão) 40 20/08/2018
0 "X" (poesia reflexão) 60 20/08/2018
0 JUSTIÇA DIVINA 47 19/08/2018
0 CORRUPTOS E CORRUPTORES 75 19/08/2018
0 A FÉ COMO ELA NÃO É 142 19/08/2018
0 DESEJO DE AMOR 54 19/08/2018
0 BATALHA PERDIDA 86 18/08/2018
0 AMANHÃ 61 18/08/2018