Total Visualizações: 3148
Texto mais lido:
Para sempre uma Criança - Total: 514

Amigos Recentes

284 MARLI  FIORENTIN3 JÚLIO CÉSAR DE ALMEIDA VIDAL444 DRILLY MANFRE587 RODRIGO GIOVANI BORCHARDT613 SEDNAN MOURA622 SANTO VANDINHO189 LADISLAU FLORIANO1 CLÁUDIO JOAQUIM DOS SANTOS BRAGA
Meus amigos...
Foto de Capa Efuturo JOSENILSON LEITE 214
Todos os textos de: JOSENILSON LEITE - POETA DE GARANHUNS.
Busca Geral:
     
DICA: Utilize o botão COMPARTILHAR (do facebook em azul) ou o LINK CURTO que disponibilizamos logo abaixo desse botão para compartilhar seu TALENTO nas Redes Sociais, compartilhando com mais fãs e leitores de toda parte do Mundo Virtual. Esse recurso foi desenvolvido para ajudar na divulgação de seus textos. USE SEMPRE QUE DESEJAR!

 
Imprimir Texto
Total Votos: 0

Tragédia em Brumadinho


*** Faça o seu Login e envie esse texto por email ***

https://www.recantodasletras.com.br/poesias-de-natureza/6560786


Tragédia em Brumadinho
Por: Josenilson Leite - Poeta de Garanhuns.

Era um dia de sexta-feira
Em vinte e cinco de Janeiro
A tragédia aconteceria
Enlutando os Brasileiros.

Uma barragem rompeu
No território Mineiro
E uma avalanche de lama
Leva o povo ao desespero.

Cerca de 300 funcionários
Trabalhavam no local
Nas proximidades da Vila Ferteco
Uma Propriedade Rural.

Rejeitos de Minério de Ferro
Com ondas de lama descia
Ceifando vidas Humanas
Verdadeira agonia.

Animais, fauna e flora
Também foram exterminados
Um crime ambiental
Tristeza irreparável.

Bombeiros e voluntários
Resgatavam os feridos
Com a Defesa Civil
Em Busca dos desaparecidos.

Uma tragédia incalculável
Desastre ambiental
Em Mariana, há 3 anos
Aconteceu fato igual.

Também a empresa Vale
Explorava o local
Era um aviso do passado
Que servia de aprendizado
Mas foi negligenciado
Uma vergonha total.

Heróis se apresentaram
Para ajudar nos resgates
Das pessoas que se afogavam
Nos rejeitos da barragem.

Cenas horripilantes
De um filme de terror
Corpos boiavam na lama
Culpa da ganância humana
Que o dinheiro cegou.

O coração de um poeta
Dilacerado na dor
Pelas mortes e tragédia
Que ao Brasil todo chocou
Implora às autoridades
Punam todos os responsáveis
Com rigor, pelo desastre
Que a Brumadinho devastou.

Josenilson Leite Poeta de Garanhuns

 
   
Comente o texto do autor. Para isso, faça seu login.
Total de visualização: 437
[ 8 ] Texto
Votos Poesia Leitura Publicação
0 Tragédia em Brumadinho 437 22/03/2019
0 O IMPOSSÍVEL ESTÁ DENTRO DE VOCÊ! 268 21/03/2019
0 Para sempre uma Criança 514 09/04/2018
3 Minha Eterna Garanhuns 462 10/03/2018
4 Súplica de um Poeta 365 06/03/2018
1 Templo do Saber 395 06/03/2018
0 Minha Terra Querida 376 06/03/2018
1 Minha Terra Querida 331 06/03/2018