Total Visualizações: 10693
Texto mais lido:
Companhia - Total: 708

Amigos Recentes

494 LAZARO NASCIMENTO613 SEDNAN MOURA393 EMANUELA RUFINO620 EDIMARCIO MUNIZ PEREIRA567 ACIR CAIANA587 RODRIGO GIOVANI BORCHARDT2 ANA PAULA SANTOS450 WILLIAM VICENTE BORGES
Meus amigos...
Foto de Capa Efuturo NEY FERREIRA 532
Todos os textos de: NEY FERREIRA
Busca Geral:
     
DICA: Utilize o botão COMPARTILHAR (do facebook em azul) ou o LINK CURTO que disponibilizamos logo abaixo desse botão para compartilhar seu TALENTO nas Redes Sociais, compartilhando com mais fãs e leitores de toda parte do Mundo Virtual. Esse recurso foi desenvolvido para ajudar na divulgação de seus textos. USE SEMPRE QUE DESEJAR!

 
Imprimir Texto
Total Votos: 2
Anote esse link curto de seu texto e divulgue nas redes sociais.

Um verso profano


*** Faça o seu Login e envie esse texto por email ***

Para encerrar nosso ciclo de festejos, em homenagem a Santa Poesia oferecemos, um verso profano da peça assinada pelo autor dessa obra.
Oh forma! Afinal quem és tu? Uma deusa do Olimpo? Saída do templo de Zeus para tornar-se, em matéria, minha própria deusa? Em verdade vos digo. Nunca consegui decifrar-te. Nunca soube quem realmente és e nunca alcancei a plenitude de tua alma. Mesmo assim sou teu... Ama-me com a ternura das santas e a avidez das prostitutas. Afinal o amor em si tem suas próprias leis...

 
   
Comente o texto do autor. Para isso, faça seu login.
10/04/2018 11:08:26
Profano mesmo! Lindo!
Comentado por: LIA SANTOSData Cadastro: 10/04/2018 11:08:26


Total de visualização: 230
[ 30 ] Texto
Votos Poesia Leitura Publicação
1 Companhia 708 09/06/2018
2 Algumas gotas 380 29/05/2018
1 Gotas II 272 29/05/2018
1 Gotas 266 29/05/2018
1 Fantasmas 279 28/05/2018
0 Vendavais 189 25/05/2018
1 Atalhos 316 25/05/2018
0 Escombros 310 18/05/2018
1 Momento 349 16/05/2018
1 Seres dormentes 328 15/05/2018
1 Olhos cretinos 265 15/05/2018
2 O bêbado e a mordaça 289 15/05/2018
1 Paciência 262 15/05/2018
3 Colheita 315 14/05/2018
3 Autoestima 342 27/04/2018
1 Novelas para ler 446 11/04/2018
1 O Sábio pergunta 346 11/04/2018
2 Viciado 248 10/04/2018
1 Para o travesseiro 289 10/04/2018
2 Um verso profano 230 10/04/2018
3 Marcha do tempo 328 09/04/2018
2 Seus olhos 315 09/04/2018
3 Os poderes da língua 352 08/04/2018
3 Fontes de inspiração 339 08/04/2018
2 Reflexões II 333 08/04/2018
3 Água demais mata a planta 314 08/04/2018
1 Corpo a corpo 310 08/04/2018
2 Dona de mim - uma prosa poética 313 08/04/2018
1 Coração em chamas 281 08/04/2018
3 As Ninfas 385 07/04/2018