Total Visualizações: 66
Texto mais lido:
Somos Sementes? - Total: 34

Amigos Recentes

711 DEJANILDA DOS SANTOS BARBOSA MARQUEZINO1 CLÁUDIO JOAQUIM DOS SANTOS BRAGA630 PEDRO PAULO DA SILVA MEDEIROS477 ADEMYR BORTOT393 EMANUELA RUFINO
Meus amigos...
Efuturo: Banner inicial para personalizar. 712 Todos os textos de: GILMAR GROSSINI
Busca Geral:
     
DICA: Utilize o botão COMPARTILHAR (do facebook em azul) ou o LINK CURTO que disponibilizamos logo abaixo desse botão para compartilhar seu TALENTO nas Redes Sociais, compartilhando com mais fãs e leitores de toda parte do Mundo Virtual. Esse recurso foi desenvolvido para ajudar na divulgação de seus textos. USE SEMPRE QUE DESEJAR!

 
Imprimir Texto
Total Votos: 0
Anote esse link curto de seu texto e divulgue nas redes sociais.

EFÊMEROS

EFÊMEROS

Somos fortes, talvez o que há de mais forte na natureza;
Somos inteligentes, guerreiros desde o início dos tempos...

Atravessamos guerras, tempestades, tornados, furacões;
Sobrevivemos ao Holocausto, a Escravidão, vulcões e tremores;
Sim, somos fortes!

Vencemos batalhas através dos mares,
Penetramos muralhas e fortalezas,
Tomamos terras...derrotamos inimigos,
Destruímos povos, histórias e línguas;
Sim, somos fortes!

Dominamos o fogo,
Mudamos o curso dos rios,
Construímos cidades sobre o oceano;
Voamos alto,
Temos o poder atômico,
Alcançamos a Lua,
Já conhecemos o espaço;
Sim, somos fortes!

Mas e a VIDA?
O que sabemos dela?
O que temos aprendido desde então?
Quem somos?
De onde viemos?
Para onde vamos?

Sabemos tão pouco sobre nossa essência,
Tão pouco sobre Energia Vital,
Sobre a razão de tudo...

Não temos noção de nosso alcance,
Dessa força invisível que sabemos existir;
Ainda não entendemos nossa missão neste planeta, nesta vida, neste estágio em que nos encontramos...

Agimos como se soubéssemos pra onde ir,
O que fazer e onde tudo acaba;
Mas estamos longe, distante, perdidos neste vácuo que nós mesmos criamos...

Portanto Irmãos,
Não somos inteligentes,
Nem lutamos pela causa certa...
E nem tampouco somos fortes!

Ainda somos pequenos como grãos,
Fracos de mente e espírito
E ingênuos perante a energia que nos envolve,
E só...

Somente quando entendermos o todo,
Compreendermos à que viemos e não nos sentirmos os únicos neste universo,
É que poderemos seguir... Ir adiante, em frente,
Rumo ao nosso destino!

Aí sim,
Não seremos meramente

EFÊMEROS
 
   
Comente o texto do autor. Para isso, faça seu login.
Total de visualização: 32
[ 2 ] Texto
Votos Poesia Leitura Publicação
0 EFÊMEROS 32 02/05/2018
0 Somos Sementes? 34 25/04/2018

Parceria:

Academia Gonçalense de Letras, Artes e Ciências.