Total Visualizações: 616
Texto mais lido:
UM TEOREMA DE PITÁGORAS - Total: 38

Amigos Recentes

1121 THALYA SANTOS622 EVANDRO JORGE DO ESPIRITO SANTO3 JÚLIO CÉSAR DE ALMEIDA VIDAL1 CLÁUDIO JOAQUIM DOS SANTOS BRAGA2 ANA PAULA SANTOS74 ANA CLAUDIA SANTOS DE LIMA BRAGA
Meus amigos...
Efuturo: Banner inicial para personalizar. 324 Todos os textos de: PAULO FONTENELLE DE ARAUJO
Busca Geral:
     
DICA: Utilize o botão COMPARTILHAR (do facebook em azul) ou o LINK CURTO que disponibilizamos logo abaixo desse botão para compartilhar seu TALENTO nas Redes Sociais, compartilhando com mais fãs e leitores de toda parte do Mundo Virtual. Esse recurso foi desenvolvido para ajudar na divulgação de seus textos. USE SEMPRE QUE DESEJAR!

 
Imprimir Texto
Total Votos: 0
Anote esse link curto de seu texto e divulgue nas redes sociais.

SAUDADE ATO TRÊS

Choro neste quarto, pois trago sua chave.
Aqui peço perdão pelo jardim das aves presas,
então saio e encontro um céu de namorados,
facínoras que beijam auréolas ainda acesas.

Se os dias reproduzirem um revoar de pássaros,
espelhos d´água verão a dança das flores,
um deslumbre porque será sábado
e um encanto maior desta minha dor, em novas cores.

Caminho pelas alamedas ao som de bicicletas,
a cidade gostará de chegar ao meio-dia,
tudo se expandirá no canhão que o tempo irradia.

Mas o teu jeito natural, teu amparo, tuas marcas
que estiveram ao meu lado, ao não passarem;
tornam-se força antiga, um meneio remoto, transe para monarcas.


DO LIVRO:"AMOR POR FORÇA DA LEMBRANÇA"
 
   
Comente o texto do autor. Para isso, faça seu login.
Total de visualização: 8
[ 30 ] Texto
Votos Poesia Leitura Publicação
0 SAUDADE ATO TRÊS 8 19/08/2018
0 CRACOLÂNDIA LUMINOSA 9 18/08/2018
0 DRUMMOND ACOPLADO 6 17/08/2018
0 MULETAS E VIADUTOS 5 17/08/2018
0 PEDRA, AREIA E TESTOSTERONA 4 17/08/2018
0 CAMINHO PARA CASA 8 16/08/2018
0 EM WIKIPÉDIA, A LESTE DO DEPOENTE 8 16/08/2018
0 BERENICE E SEUS FILHOS CRESCIDOS 8 16/08/2018
0 HOJE NO BRASIL 6 15/08/2018
0 BRAÇOS E PULSEIRAS 6 15/08/2018
0 O CEGO DO VALONGO (13 DE MAIO) 11 14/08/2018
0 O HOMEM DE NEANDERTAL 15 12/08/2018
0 TRIÂNGULOS ATIVOS 17 11/08/2018
0 OS GORDOS 20 10/08/2018
0 TREZENTOS PAIS 17 10/08/2018
0 ATERRISSAGENS 15 09/08/2018
0 CERTAS ÓRFÃS 23 06/08/2018
0 TERNO E GRAVATA 14 06/08/2018
0 A SONDA AMERICANA VOYAGER I 13 06/08/2018
0 AMOR AOS DOZE ANOS 14 06/08/2018
0 AVENIDA DE TOLERÂNCIA 15 06/08/2018
0 A PRIMAVERA DAS FADAS 12 06/08/2018
0 SAUDADE ATO ONZE 14 05/08/2018
0 O AMOR PELO NÃO SENTIDO 17 05/08/2018
0 PRIMEIRA NUDEZ 17 04/08/2018
0 SAUDADE AT0 SEIS 17 30/07/2018
0 UM RIO DE AMOR 24 23/07/2018
1 FILOSOFIA DA VIRADA 24 12/07/2018
0 ANÚNCIOS BRANCOS 17 09/07/2018
0 UM TEOREMA DE PITÁGORAS 38 25/06/2018

Parceria:

Academia Gonçalense de Letras, Artes e Ciências.